Modelo de Apelação. Recurso Interposto contra Sentença Que Extinguiu o Processo Sem Julgamento do Mérito, ante a Ocorrência de Litispendência e de Coisa Julgada. (Art. 267,V do CPC).

 Petição de interposição e de razões de apelação dos eminentes advogados Sérgio Bermudes, Frederico Ferreira, João José Ramos Schaefer e Nelson Luiz Shaefer Picanço. Para fazer o download do recurso (em formato pdf), clique na imagem abaixo:

modelo de apelacão

(Link alternativo: apelação modelo). Créditos: APUFSC

(Atendendo aos interesses dos leitores, haverá periódica indicação de petições existentes na internet. As peças foram elaboradas por terceiros, e referem-se a casos concretos, permitindo – ao contrário dos tradicionais modelos – a apreensão dos dados cujo conhecimento é necessário ao operador jurídico que não deseje apenas servilmente mimetizar esquemas. A Revista de Processo, coordenada pela Professora Teresa Arruda Alvim Wambier, dedica ao tema a seção “Trabalhos Forenses”, que certamente interessará ao visitante dessa página).


Observações.

Foi o recurso interposto de sentença que extinguira, sem julgamento do mérito, mandado de segurança, por entender o juízo singular existentes a coisa julgada e a litispendência (CPC art. 267, V).
Dedica-se a apelação à impugnação da decisão,  alegando, para afastar a ocorrência dos mencionados fenômenos, serem diversas as partes e a causa de pedir. A questão coloca-se, portanto, no plano de saber se há identidade de ações (ou de causas).
Aduz-se, também, que mesmo na hipótese de se entender existente a coisa julgada (em sede de liquidação de sentença), haveria coisa julgada anterior com ela colidente, e verificando-se o conflito, a prevalência seria da primeira decisão, segundo o critério cronológico.

Sobre a identidade de ações, além da doutrina e da jurisprudência mencionadas na peça, aconselha-se a consulta aos seguintes trabalhos:

“Tangente à coisa julgada e à litispendência, o art. 301, §2.º, reza que ‘uma ação é idêntica à outra quando tem as mesmas partes, a mesma causa de pedir e o mesmo pedido’. Adotou o estatuto processual, neste tema, e calhando ao problema do cúmulo de ações, o critério da tríplice identidade (eadem personae, eadem res e eadem causa petendi). Ele seguiu a lição clássica de Chiovenda, segundo o qual esses elementos se oferecem naturalmente ‘da essência da ação’).
(…)
Com invulgar exatidão, decidiu a 4ª Turma do STJ: ‘Ainda que ocorra identidade de partes e de pedido, não havendo em relação à causa de pedir, inatendível é a arguição de coisa julgada’




Livro: Causa de Pedir e Pedido no Processo Civil.José Roberto dos Santos Bedaque, Os elementos da Demanda à Luz do Contraditório, in Causa de Pedir e Pedido no Processo Civil, coord. José Roberto dos Santos Bedaque e José Rogério Cruz e Tucci


“A ação identifica-se pelas partes, pela causa de pedir e pelo objeto. Nessa análise, deve o processualista, necessariamente, voltar os olhos para a relação substancial, pois é lá que se encontram tais elementos.
A causa petendi é representada pelo fato constitutivo do vínculo jurídico, bem como o fato afirmado pelo autor que torna necessária a intervenção jurisdicional. Tais fatos dão origem a uma relação jurídica de direito material e a um direito que dela se origina. Tudo isso da ótica do autor.
A causa de pedir é elemento essencial da ação, pois revela a conexão entre o provimento jurisdicional pleiteado pelo autor e a pretensão por ele formulada. O provimento será emitido em razão de uma situação jurídica material.

Direito Aplicado. Volume I. Livro de Barbosa Moreira.
Barbosa Moreira proferiu, a respeito da matéria, primoroso voto, publicado in Direito Aplicado I: Coisa Julgada. Causas de pedir não totalmente coincidentes. Preliminar infundada










Quanto à ocorrência do fenômeno da coisa julgada em distintos processos veiculadores de idênticas ações (causas):

(…)o problema surge se, escoado o prazo decadencial dentro do qual teria sido possível o ajuizamento da ação rescisória, subsistem ambas. Qual deve prevalecer?
(…)
Pontes de Miranda e Ada Pellegrini Grinover são exemplos de autores que defendem o ponto de vista de que deve prevalecer a segunda coisa julgada. Sérgio Rizzi é pela prevalência da primeira coisa julgada. J.C Barbosa Moreira, a seu turno, expõe os inconvenientes de se adotar qualquer uma das duas posições.”

COMENTÁRIOS

BLOGGER: 2
  1. Entendo que o exeqüente ao valer-se do rito do art. 733 do CPC., que permite a prisão civil do executado, ainda assim caberia a aplicação da multa de 10% do art. 475-J caso não surtisse efeito a coerção pessoal, modo em que não só subsistiria a dívida principal, bem como seus consectários, ainda depois de esgotado o prazo do encarceramento do devedor.
    Dr. eudes de Toritama

    ResponderExcluir
  2. @ Dr. Eudes,

    Obrigado pela contribuição, e esteja à vontade para expor a sua opinião sempre que o desejar.

    Abraços.

    ResponderExcluir
Deixe o seu comentário abaixo. Debata outros temas em nosso Fórum de Discussões

Nome

Ação de Nunciação de Obra Nova,1,Ação Declaratória,2,Ação Demolitória,1,Ação Rescisória,6,Agravo de Instrumento,1,Agravo de Instrumento - Lei 11.187/05,15,Apelação,3,Arbitragem,3,Assistência,1,Autores Convidados,7,Coisa Julgada,4,Coronavírus,2,Cumprimento da Sentença - Lei 11.232/05,33,Direito Administrativo,4,Direito Civil,22,Direito Constitucional,9,Direito do Consumidor,3,Direito do Trabalho,5,Direito Penal,7,Direito Romano,1,Divórcio - Separação - Inventário Extrajudiciais - Lei 11.441/07,11,Embargos de Declaração,3,Embargos de Terceiro,2,Estatuto do Estrangeiro,1,Estatuto do Idoso,1,Exceção de Pré-Executividade - Objeção de Executividade,3,Execução Civil,17,Execução de Alimentos,1,Execução de Títulos Extrajudiciais,1,Execução de Títulos Extrajudiciais - Lei 11.382/06,22,Fichamentos,4,Habeas Data,1,Honorários Advocatícios,4,Intervenção de Terceiros,1,Juizados Especiais da Fazenda Pública,2,Juizados Especiais Estaduais,3,Jurisprudência,52,Lei de Execução Penal,4,Lei de Improbidade Administrativa,1,Lei de Licitações,2,Litispendência,2,Locação - Despejo,8,Mandado de Segurança,8,Miscelânea,13,Modelo de Ação de Despejo Por Falta de Pagamento de Alugueres e Denúncia Vazia c/c Cobrança - Locação Comercial,1,Modelo de Agravo Regimental - Agravo Interno,1,Modelo de Contestação,2,Modelo de Contra-Razões a Recurso Extraordinário,1,Modelo de Embargos de Declaração,1,Modelo de Inicial de Guarda de Menor c/c Alimentos com Liminar,1,Modelo de Mandado de Segurança,1,Modelo de Notificação - Denúncia Vazia - Locação Comercial,1,Modelo de Petição - Todos os Trabalhos Forenses,33,Modelo de Petição de Devolução de Prazo,1,Modelo de Petição Inicial de Ação de Imissão de Posse,1,Modelo de Petição Inicial de Ação Declaratória de Nulidade de Retificação de Registro de Imóvel,1,Modelo de Petição Inicial de Alimentos Gravídicos,1,Modelo de Reconvenção,1,Modelo de Recurso Especial,1,Modelo de Recurso Extraordinário,2,Modelos,6,Modelos de Agravo de Instrumento,2,Modelos de Apelação,1,Modelos de Inicial de Execução de Título Extrajudicial,1,Modelos de Petição de Parcelamento da Dívida - Art. 745-A do CPC,1,Novo CPC,10,Oposição,1,Procedimento Sumário,3,Processo Civil,128,Prova Final - TV Justiça,1,Querela Nullitatis,1,Recursos Repetitivos STJ - Art. 543-C - Lei 11.672/08,2,Reformas do CPC,73,Responsabilidade Civil,2,Resumos e Sumários,4,Saber Direito - TV Justiça,1,STF - Julgamentos em Vídeo - TV Justiça,71,Vídeo Aula,3,
ltr
item
Direito Integral: Modelo de Apelação. Recurso Interposto contra Sentença Que Extinguiu o Processo Sem Julgamento do Mérito, ante a Ocorrência de Litispendência e de Coisa Julgada. (Art. 267,V do CPC).
Modelo de Apelação. Recurso Interposto contra Sentença Que Extinguiu o Processo Sem Julgamento do Mérito, ante a Ocorrência de Litispendência e de Coisa Julgada. (Art. 267,V do CPC).
http://lh6.ggpht.com/direitointegral/SO5nlv0BfdI/AAAAAAAAAOw/Z6lbweeUiaA/modeloderazoesdeapelacao%5B6%5D.jpg?imgmax=800
http://lh6.ggpht.com/direitointegral/SO5nlv0BfdI/AAAAAAAAAOw/Z6lbweeUiaA/s72-c/modeloderazoesdeapelacao%5B6%5D.jpg?imgmax=800
Direito Integral
https://www.direitointegral.com/2008/10/modelo-de-apelacao-civel.html
https://www.direitointegral.com/
https://www.direitointegral.com/
https://www.direitointegral.com/2008/10/modelo-de-apelacao-civel.html
true
6772473616993954239
UTF-8
Todas as postagens carregadas Nenhuma postagem encontrada VEJA TODOS Ler mais Responder Cancelar Resposta Delete Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver todas RECOMENDADO PARA VOCÊ Assuntos ARQUIVO SEARCH TODAS AS POSTAGENS Nenhuma postagem encontrada coincide com a sua busta Back Home Domingo Segunda-Feira Terça-Feira Quarta-Feira Quinta-Feira Sexta-Feira Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez just now 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Siga THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Sumário